EBD Casaia _ Dia 21 : Casamentos Saudáveis Praticam o Perdão

DISCIPULADO - EBD_Casais

Casamentos Saudáveis Praticam o Perdão

Antes de fazermos qualquer consideração sobre o assunto, abra sua Bíblia e transcreva os seguintes textos:

Efésios 4.31,32:

 

Colosenses 3.12,13:

 

Para entendemos o que é perdão temos que entender primeiro o que é ofensa.

 

O que é uma ofensa?

Diz o dicionário, ofensa é: ultraje, uma ação ou palavra que fere alguém em sua honra, dignidade, moral ou em sua integridade.

Como se Origina a ofensa?

A ofensa pode acontecer de modo:

1-           Voluntário = quando é premeditada e consciente.

2-           Involuntário = quando ocorre inconscientemente.

3-           Pela má interpretação dos fatos.

A ofensa pode ter suas raízes na alma das pessoas quando elas são impulsionadas por um sentimento de:

1.revide;

2.egoísmo;

3.orgulho;

4.desobediência;

5.insensibilidade;

6.falta de maturidade;

7.relaxamento;

8.ignorância(falta de conhecimento sobre determinados princípios ou mesmo a falta de conhecimento sobre as pessoas).

EBD  EBD

Situações que podem nos levar ao pecado de ofensa:

1.            Quando traímos alguém, um grupo ou uma causa.

2.            Quando somos infiéis no namoro ou no casamento.

3.            Quando somos desleais para com os outros.

4.            Quando faltamos com a nossa palavra (prometer e não cumprir).

5.            Quando mentimos.

6.            Quando distorcemos os fatos (exagerando, omitindo, negando ou diminuindo).

7.            Quando agredimos com palavras duras, pejorativas ou obscenas.

8.            Quando fofocamos (falando mal do outro, prejudicando assim a sua integridade, reputação, moral ou comprometendo e denegrindo a sua imagem).

9.            Quando não guardamos um segredo e o revelamos a terceiros.

10.         Quando não damos ouvidos as pessoas.

11.          Quando não prestamos atenção naquilo que estão falando.

12.         Quando não cumprimentamos as pessoas.

13.         Quando fazemos brincadeiras fora de hora.

14.         Quando não convidamos certas pessoas para certas ocasiões.

15.         Quando fazemos comparações mal intencionadas (ou não).

16.         Quando desobedecemos ordens.

17.         Quando desacatamos alguém que é autoridade sobre nós.

18.         Quando faltamos com o respeito (desacato).

19.         Quando não valorizamos as coisas ou realizações dos outros.

20.         Quando não damos oportunidades para uma pessoa.

21.         Quando procedemos imoralmente.

22.         Quando exploramos alguém.

23.         Quando não pagamos corretamente (na data e o valor corrigido).

24.         Quando esquecemos de devolver o que emprestamos.

25.         Quando nos esquecemos de datas importantes.

26.         Quando chegamos atrasados aos compromissos assumidos.

27.         Quando não comparecemos aos compromissos.

28.         Quando estragamos ou danificamos objetos dos outros.

29.         Quando abusamos de nossa autoridade.

30.         Quando não correspondemos ás expectativas.

31.         Quando fracassamos.

32.         Quando somos desonestos.

33.         Quando invadimos a privacidade dos outros.

34.         Quando somos inflexíveis.

35.         Quando somos insensíveis.

36.         Quando negamos um empréstimo.

37.         Quando não ajudamos (negar ajuda ou acolhida).

38.         Quando criticamos.

39.         Quando não perdoamos.

40.          ...................................................................................

 

Como podemos resolver o problema da ofensa?

Resposta: Perdoando ou pedindo perdão.

O que é perdão?

O dicionário diz que: Perdão é remissão de culpa, dívida, ou ofensa. É um pedido de desculpa por erro cometido.

Implicações do perdoar

1.            Ter disposição em aceitar o reconhecimento de uma ofensa por parte do ofensor, acompanhada ou não de seu arrependimento.

2.            É reconciliar, religar e reatar relacionamentos afetados.

3.            É estender a mão no sentido da recuperação do ofensor.

4.            É devolver a confiança perdida.

5.            É restabelecer a harmonia comprometida e prejudicada pela ofensa.

6.            É ser autêntico no expressar suas reações diante dos fatos e circunstâncias relacionadas com a ofensa.

7.            É assumir o compromisso de:

. Não levantar mais o assunto com o ofensor.

. Não levantar mais o assunto com os outros.

. Não levantar mais o assunto consigo mesmo.

8.            É estar disposto a viver um novo relacionamento.

9.            É ouvir uma confissão sem diminuir o peso da ofensa.

10.         É aproveitar a ocasião para ministrar sobre o ofensor, exortando-o em amor.

 

Advertências Quanto ao Perdão

1.            Perdoar não é uma questão de sentimento (sentir ou não vontade de perdoar).

2.            Perdoar é uma questão de obediência imediata.

3.            Perdoar não significa esquecimento imediato das ofensas e suas consequências.

4.            Devemos perdoar tantas vezes quanto forem as ofensas (70x7).

5.            Devemos perdoar todo e qualquer tipo de ofensa.

6.            Devemos ter todo o cuidado em separar a ofensa do ofensor.

7.            O perdão deve vir acompanhado de conforto e muito amor.

 

2 Coríntios 2.7 (transcreva):

 

8.            Só seremos beneficiados com o perdão das faltas e pecados cometidos contra Deus quando conseguirmos perdoar as ofensas dos homens.

Transcreva Mateus 6.14,15:

 

9.            Quando perdoamos um irmão, nós o liberamos diante de Deus e cooperamos com a sua reabilitação. Além disso, bloqueamos a atuação de Satanás. Transcreva 2 Coríntios 2.7-11:

 

10.         Não perdoar afeta o poder de nossas orações. Marcos 11.20-26 (apenas consulte em sua Bíblia).

 

11.         Quando alguém não corresponde ao nosso perdão, não devemos anulá-lo.

 

12.         Lembremo-nos de que, em hipótese alguma, devemos nos vingar. A vingança pertence ao Senhor. Romanos 12.14-21

 

13.         Não perdoar é tão pecado quanto a ofensa.

 

14.         Não perdoar pode ter consequências tristes como:

 

. Envelhecimento precoce – Salmo 32.3

. Dores generalizadas no corpo – Salmo 32.3

. Sentimento de culpa – Salmo 32.4

. Falta de forças para viver – 32.4

. Ser tratado por Deus como um animal – Salmo 32.9

. Curtir sentimentos indesejáveis – Salmo 32.10

. Conviver com raízes amargura que afetam e prejudicam o corpo – Salmo 73.21

. Tornar-se embrutecido e irracional – Salmo 73.22

 

Contato

EBD_Biblia